PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
28 jul 2018

Youtuber Everson Zoio é acusado de estupro, se pronuncia e Polícia investiga caso


Vem causando polêmica nas redes sociais o caso envolvendo o youtuber Everson Zoio. É que internautas ressuscitaram um vídeo antigo do rapaz em que ele afirmava que havia transado com sua ex-namorada enquanto ela estava bêbada e dormindo. No vídeo, ele ainda conta que havia insistido antes e a mulher havia negado.

 A polêmica repercutiu imediatamente nas redes sociais, pouco tempo após um outro youtuber, Júlio Cocielo, também ter causado com uma piada considerada racista. E a coisa não ficou nada boa para Zoio, que já teve um evento em que participaria cancelado. A Polícia divulgou hoje um comunicado em que informa que está investigando o caso, que deve ser caracterizado como estupro caso seja confirmado.

A Polícia Civil de Minas Gerais informa que, desde a manhã deste sábado (28), tão logo tomou conhecimento, por meio da imprensa, do vídeo feito pelo youtuber Everson Zoio, relatando um suposto episódio envolvendo sua ex-namorada, amplamente divulgado nas redes sociais, acionou a Delegacia Especializada em Investigação de Crimes Cibernéticos, que já está adotando todas as providências de polícia judiciária, para a completa elucidação do fato noticiado”, informou a instituição em nota enviada ao portal UOL.

Em novo vídeo, neste sábado (28), ele argumentou a seu favor que a história foi inventada em partes. “Uma vez, sim, eu estava com minha ex e chegou à noite, no dia ela tinha falado que estava cansada e não ia rolar nada. Virei para um lado, ela virou para o outro, e a gente dormiu ali e pronto. […] Eu quis aumentar mais coisa, porque homem é assim, homem sempre aumenta as coisas“, afirmou.

O youtuber ainda mencionou que na época aquele tipo de piada cabia mais que hoje em dia, em tempos de politicamente correto. “Na época, não era esse tal de politicamente correto como é hoje, então por isso que está fazendo esse efeito todo, acontecendo isso tudo. Hoje em dia você já não pode falar nada. Mas estou arrependido? Sim, muito”, disse.

Em comunicado oficial, ele volta a desmentir a história narrada. “Não apoio nenhum tipo de violência e opressão contra mulheres ou qualquer pessoa, quem me conhece sabe que sou um cara simples, de boa índole, nunca fiz mal pra ninguém e sempre estive do lado do bem. Peço desculpas a todos que foram ofendidos, meus familiares, amigos, seguidores e as pessoas em geral”.

 

Fonte: TV Foco

 

Comentários

Nome

E-mail

Comentário