PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
4 jan 2017

Tubulação de água estoura e cria chafariz gigante


Um chafariz gigante se formou na Estrada do Lameirão, em Santíssimo, na Zona Oeste do Rio, na manhã desta quarta-feira, após o rompimento de uma tubulação de água. A Cedae informou que enviou técnicos ao local e ainda não tem informações sobre as causas do rompimento.

Nas redes sociais, internautas relatam que o imenso jato formato pela água quebrou ruas e arrastou casas.

No início da manhã desta quarta-feira a companhia enviou uma nota à imprensa pedindo que os moradores do Rio e da Baixada Fluminense evitem desperdício de água, já que o abastecimento foi prejudicado por um curto-circuito na estação de tratamento do Guandu.

Veja vídeo

A estação de tragamento de água do Guandu entrou em curto-circuito após um transformador ser atingido por um raio, na noite desta terça-feira, de acordo com a assessoria de imprensa da Cedae. Segundo a companhia, o problema foi solucionado e o fornecimento de água será normalizado ao longo desta quarta-feira. Enquanto isso, a companhia pede que a população “utilize de forma consciente a água armazenada nas caixas d’água ou cisternas”.

Nas redes sociais, há relatos de falta de água e pressão reduzida em bairros como Campo Grande, Irajá, Vila Valqueire e Jardim Sulacap, além de cidades da Baixada Fluminense como Nilópolis, Nova Iguaçu e Caxias.

Em nota, a Cedae diz que até o restabelecimento total do serviço, a população poderá “notar a pressão reduzida na rede”. A companhia afirma ainda que “em algumas áreas isoladas (pontas de sistema) e regiões mais altas, a normalização do fornecimento de água poderá levar até 48 horas”.

Extra

Comentários

Nome

E-mail

Comentário