PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
18 mar 2017

Tiroteio em aeroporto de Paris causa morte de suspeito e suspensão de voos


Oficiais antiterrorismo da França deram início à investigação depois de um homem tentar roubar a arma de uma soldado no aeroporto de Orly, o segundo maior do país, na manhã deste sábado (18). O suspeito foi morto pelos agentes de segurança, que afirmaram ainda que o suspeito esteve envolvido em um incidente ao norte de Paris antes de se dirigir ao aeroporto.

Segundo informações do “The Guardian”, o homem (que não teve identidade revelada) teria atirado em uma policial ao norte de Paris e, em seguida, cruzado a cidade em direção ao aeroporto de Orly. Fontes policiais ainda afirmaram à Reuters que ele estaria na lista de vigilância da segurança da França, e seria “muçulmano radicalizado”. A suspeita de ataque terrorista não foi descartado pelas autoridades.  5yahct5a3cutagylu3e9hwyvw

O Ministro da Defesa francês, Jean-Yves Le Drian, afirmou que o suspeito teria assaltado três policiais, sendo um deles uma mulher, quem derrubou no chão na tentativa de roubar sua arma. Contudo, a soldado conseguiu detê-lo e os outros dois policiais atiraram contra ele, matando-o.

“Ele segurava-a [a policial] pelo pescoço e, ao mesmo tempo, segurava a arma dela, ele estava segurando a arma. Então, quando percebemos que era algo sério, saímos correndo, descemos as escadas e, assim, ouvimos dois tiros”, relatou uma testemunha ao “The Guardian”.

Uma testemunha chamada Franck Lecam também contou que estava na fila para verificar o voo de Tel Aviv, quando ouviu três ou quatro tiros próximos. “Estamos todos fora do aeroporto, cerca de 200 metros da entrada. Há policiais, oficiais de emergência e soldados em todas as direções. Um oficial de segurança nos disse que [o tiroteio] aconteceu perto dos portões 37-38, onde voos da Turkish Airlines estavam agendados.”

5yahct5a3cutagylu3e9hwyvw

Depois de o tiroteio ser aberto no aeroporto, todos os voos foram suspensos. Policiais buscaram explosivos no local. Mais de 3 mil pessoas foram evacuadas dos terminais de Orly. O aeroporto não deve ser reaberto até a noite deste sábado. Passageiros foram orientados a evitarem ir ao local.

Os soldados envolvidos no tiroteio fazem parte das forças especiais “Sentinel”, um grupo militar de elite que faz a proteção de locais mais vulneráveis a ataques, depois de o país sofrer seguidos ataques terroristas.

O pai e o irmão do homem morto foram detidos neste sábado, de acordo com fontes judiciais citadas pela Reuters. O Ministro do Interior da França, Bruno Le Roux, disse que a policial que foi alvo do suspeito no início da manhã deste sábado não foi gravemente ferida.

Fonte: iG

Comentários