PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
4 ago 2015

Sem dinheiro para reforços, Vasco vai contratar auditoria, diz Eurico


Eurico-Miranda-FOTOPaulo-SergioLANCEPress_LANIMA20150731_0059_27Com a péssima situação do time no Campeonato Brasileiro e o mau momento financeiro do clube, o presidente Eurico Miranda veio a público. O presidente garantiu que, diante das enormes dívidas deixadas pela gestão de Roberto Dinamite, vai contratar uma auditoria para apurar todos os problemas do tipo. Ele aproveitou para afirmar que não existe racha na diretoria.

– Toda a diretoria está aqui. Acho que não estariam se houvesse divergência. Aliás, divergir é a coisa mais natural. A gente discute. Quando a gente decide, decide sem divergência. Diante deste quadro que está sendo encontrado, no qual a cada dia recebemos e somos surpreendidos com uma coisa nova, decidimos que vamos contratar uma auditoria de peso. Podem indagar: por que não logo que chegou? Eu não queria. Sempre defendi que as coisas do Vasco tinham que ser resolvidas internamente. Mas chegou a um ponto tal que precisa ser contratada uma auditoria para trazer a público a real situação que o Vasco se encontra explica.

O mandatário foi duro nas críticas à gestão anterior, a qual chamou de irresponsável. Citou acordos jurídicos que têm sido feitos e deixou claro que, diante do atual cenário do clube, é muito difícil fazer contratações para a sequência da temporada.

– Quando a gente fala isso, é porque o outro lado (referência ao Flamengo) começou a ver que aqui existe responsabilidade. Para terem ideias de números: a gente tem feito diversos acordos. Hoje a gente paga mais de R$ 600 mil de acordos cíveis. Acordos novos. Isso é uma demonstração, não justificativa. Dizem que precisamos de reforços. Mas como? Quando passam para mim, pergunto: como se paga? Este é o maior problema – ratifica.

Acompanhado de vice-presidentes, Eurico lembrou que a gestão Dinamite ficou longo período sem um dirigente para responder pela pasta de finanças. E lembra que “a volta do respeito” é mais complexa do que um resultado do time de futebol.

– Para você ter ideia, o Vasco passou um ano e meio sem um vice de finanças, então não avaliaram p… nenhuma. Ah, perdemos. Respeito é como pago 600 funcionários. Venho para cá e encontro este clube agradável. Em todos os sentidos. Limpo. A gente convivia com a sujeira. Parece que não é nada. Só parece – alerta.

 LANCENET! 

Comentários

Nome

E-mail

Comentário