PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
9 out 2016

Rosberg vence fácil em Suzuka e complica vida de Hamilton


Com o inglês chegando em terceiro, Rosberg abre mais de 30 pontos de vantagem no campeonato, faltando agora quatro provas.

Nico Rosberg não viu concorrentes nesse GP do Japão. Vendo Hamilton cair para oitavo na largada e terminar em terceiro, o alemão fica mais perto do título inédito. Max Verstappen travou uma boa batalha com o inglês e terminou entre as Mercedes, em segundo.

Com o resultado, a Mercedes garantiu mais um campeonato de construtores. Felipe Massa fez o que pôde e terminou em nono.

A corrida

Na largada, Rosberg se manteve a frente e Hamilton não conseguiu tracionar bem, perdendo muitas posições e caindo para a oitavo.

Verstappen pulou para a segunda posição e Perez para terceiro. Massa caiu duas posições em relação a largada.

Três voltas após a largada Vettel conseguiu superar Perez, assumindo a terceira colocação. Raikkonen também conseguiu superar o Hulkenberg algumas voltas depois.homens-pelados-pau-duro-fotos-picantes7

Hamilton tentou forçar para cima do Hulkenberg na 130R, mas teve que recolher, já na reta dos boxes o inglês conseguiu completar a manobra, subindo para o sétimo lugar.

Na volta 11, Verstappen foi para os boxes e colocou pneus duros, o mesmo fez Ricciardo na mesma volta. Com isso, Vettel assumiu a segunda colocação, seguido por Perez, Raikkonen e Hamilton.

No giro seguinte, Rosberg parou e também colocou pneus duros, Vettel e Raikkonen também pararam juntos. Na volta seguinte, Hamilton parou e retornou a frente de Hulkenberg e Raikkonen.

O inglês ainda ultrapassou Ricciardo e Massa na mesma volta, tentando se recuperar do prejuízo da largada.

Ricciardo superou Massa que ainda não tinha parado. Hamilton, andando muito forte, superou Bottas e assumiu a quarta colocação.

Após as paradas, Rosberg seguiu na frente, quatro segundos atrás vinha Verstappen, seguido por Vettel e Hamilton que vinha tentando tirar a desvantagem para o alemão da Ferrari.

Massa parou depois de 25 voltas com pneus médios, mas Bottas permaneceu na pista por mais dois giros. A estratégia da Williams era de fazer apenas uma parada.

Raikkonen foi o primeiro a parar pela segunda vez, foi na volta 27, enquanto Bottas finalmente parou para colocar pneus duros.

Massa teve trabalho para ultrapassar Carlos Sainz e quando finalmente conseguiu, ganhando a décima colocação, viu Bottas se aproveitando para passar o piloto da Toro Rosso.

Rosberg parou na volta 30, antecipando o pit stop para evitar um futuro ataque de Verstappen.

Enquanto isso, Vettel seguia enfurecido com o tráfego. O alemão que era o líder momentâneo, pois ainda não tinha feito sua segunda parada, reclamava rudemente no rádio.

Vettel parou na volta 35, colocando pneus macios, com isso o Hamilton subiu para terceira colocação. Porém, o inglês tinha pneus duros.

Rosberg seguia líder, mas com Verstappen ali próximo. A diferença entre os dois seguia na casa dos quatro segundos.

Vettel acabou chegando em Hamilton, se aproveitando dos pneus mais rápidos, entretanto não conseguia ultrapassar.

Hamilton ia tirando a diferença que tinha de Verstappen, na volta 40, o inglês estava a menos de quatro segundos atrás do holandês.

Na volta 46, Hamilton já conseguia abrir a asa, mirando a segunda colocação. Verstappen tracionava melhor que o inglês e com isso garantiu a segunda colocação. Na penúltima volta Hamilton chegou a colocar de lado, mas acabou passando reto na chicane de ‘Senna e Prost’. Rosberg venceu e Hamilton foi apenas o terceiro

Rosberg abre mais de 30 pontos em relação ao Hamilton no campeonato e a situação do tricampeão se complica.

Confira o resultado do GP do Japão:

1 – Nico Rosberg – Mercedes – 53 voltas
2 – Max Verstappen – Red Bull-Tag Heuer – +4.978s
3 – Lewis Hamilton – Mercedes – +5.776s
4 – Sebastian Vettel – Ferrari – +20.269s
5 – Kimi Raikkonen – Ferrari – +28.370s
6 – Daniel Ricciardo – Red Bull-Tag Heuer – +33.941s
7 – Sérgio Perez – Force India-Mercedes – +57.495s
8 – Nico Hulkenberg – Force India-Mercedes – +59.177s
9 – Felipe Massa – Williams-Mercedes – +1:37.763
10 – Valtteri Bottas – Williams-Mercedes – +1:38.323
11 – Romain Grosjean – Haas-Ferrari – +1:39.254
12 – Jolyon Palmer – Renault – +1 volta
13 – Daniil Kvyat – Toro Rosso-Ferrari – +1 volta
14 – Kevin Magnussen – Renault – +1 volta
15 – Marcus Ericsson – Sauber-Ferrari – +1 volta
16 – Fernando Alonso – McLaren-Honda – +1 volta
17 – Carlos Sainz Jr. – Toro Rosso-Ferrari – +1 volta
18 – Jenson Button – McLaren-Honda – +1 volta
19 – Felipe Nasr – Sauber-Ferrari – +1 volta
20 – Esteban Gutierrez – Haas-Ferrari – +1 volta
21 – Esteban Ocon – Manor-Mercedes – +1 volta
22 – Pascal Wehrlein – Manor-Mercedes – +1 volta

Fonte: Lance!

Comentários