PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
25 jun 2017

Ricciardo vence corrida ‘maluca’ no Azerbaijão


Em uma prova tumultuada colocou Lance Stroll no pódio. Massa abandona, após brigar pelas primeiras posições.

O GP do Azerbaijão foi sem dúvida nenhuma uma prova atípica do que estamos acostumados. A corrida teve um pouco de tudo, com o tumuldo do princípio ao fim. Hamilton e Vettel perderam a vitória depois de protagonizaram a verdadeira “briga de trânsito”. A vitória caiu no colo de Daniel Ricciardo, enquanto Valtteri Bottas, após ter problemas no início da corrida, chegou em segundo após ultrapassar Lance Stroll nos últimos metros.

O canadense fez uma prova impecável e conseguiu seu primeiro pódio na categoria. Felipe Massa, que estava à frente desta briga e poderia até ter vencido a prova, abandonou na parte final do certame, com problemas na suspensão.

Confira como foi a prova:

Na largada, Hamilton se manteve à frente, Vettel tentou ultrapassar Bottas e tocou no carro do finlandês, na curva seguinte, ao fazer a curva, Bottas acertou Raikkonen, com os dois ficando com os carros danificados.

Bottas teve um pneu furado e Raikkonen caiu para quinto, mas permaneceu na pista. Felipe Massa subiu da nona para a sexta colocação.

Na volta seis, Ricciardo foi o primeiro a realizar a parada, trocando os pneus supermacios para os macios. Dois giros depois, Palmer apareceu lento à caminho dos boxes, aparentemente dando adeus à corrida.

Kvyat também abandonou na volta 11. O russo parou ao lado do muro e quase no mesmo momento, Verstappen perdia posições, reclamando de problemas no motor. O holandês abandonou a prova.

Por conta do carro de Kvyat que ficou parado na pista, o Safety Car foi acionado. Hamilton e Vettel, Ocon, Raikkonen e Massa, aproveitaram a oportunidade para realizarem suas paradas. Stroll subiu para a terceira colocação, pois foi o único, entre os sete primeiros, que não tinha parado.

Stroll parou uma volta depois e caiu para a sétima colocação. Enquanto Felipe Massa, era o quinto. O Safety Car permaneceu na pista por quatro voltas. Quando a corrida reiniciou, na volta 17, Hamilton já abriu na ponta, enquanto Perez foi pra cima de Vettel.

Felipe Massa fez uma ultrapassagem dupla, em cima de Raikkonen e Ocon, subindo para a quarta colocação.

Por conta de detritos na pista, o Safety Car retornou para a pista e os carros tinham que passar por dentro do pit lane, para a limpeza total da reta dos boxes.

Duas voltas depois, a corrida foi novamente reiniciada. Antes da relargada. Hamilton ficou muito lento e Vettel bateu no carro do inglês duas vezes. Na relargada. Massa passou Perez e quase conseguiu superar o Vettel também. Ocon, ao tentar passar Perez, bateu no mexicano e os dois tiveram os carros danificados. Com mais detritos na pista, mais uma vez, o Safety Car entrou na pista. Raikkonen, com um pneu furado, teve sua asa traseira avariada, obrigando o finlandês abandonar.

Na volta 22, os cinco primeiros colocados eras: Hamilton, Vettel, Massa, Stroll e Ricciardo.

A direção da prova deu bandeira vermelha, para uma limpeza mais eficiente da pista.

Após um longo período com a corrida parada, o seu reinício foi um balde de água fria para os brasileiros. Hamilton e Vettel se mantiveram na frente e Massa que vinha em terceiro, perdeu posições para Ricciardo e Stroll, caindo para quinto e uma volta depois, para Magnussen, Hulkenberg e Alonso. O brasileiro tinha problemas no carro.

Hulkenberg bateu e abandonou enquanto Massa perdia posições de todos os carros, abandonando a prova no final da volta. O protetor de cockpit do carro de Hamilton estava se soltando. O inglês, na reta, segurava a peça, para ela não se soltar.

Hamilton foi para os boxes para consertar o protetor do cockpit e Vettel foi punido em 10 segundos de stop and go por ter batido em Hamilton de propósito, durante o Safety Car.

Na volta da punição, Vettel voltou para a pista em sétimo, exatamente uma posição à frente de Hamilton. E os dois começaram a travar outra batalha, quando Vettel teve dificuldades ao finalizar uma ultrapassagem sobre Fernando Alonso.

Com toda essa confusão, na volta 37, os cinco primeiros era: Ricciardo, Stroll, Magnussen, Ocon e Bottas, um resultado totalmente inesperado.

Magnussen perdeu posições para Ocon e Bottas, caindo para quinta colocação. Vettel e Hamilton também superaram o carro da Haas.

000_PX55W-1170x400-1498405137

Bottas executou uma ultrapassagem em cima de Ocon e assumiu a terceira colocação na volta 40. Na volta 42, Vettel passou por Ocon e deixou o “problema” com Hamilton. O alemão subira para a quarta colocação. Uma volta depois, o britânico conseguiu a ultrapassagem, no carro da Force India.

A corrida foi se encaminhando para o final, com Ricciardo na ponta, seguido por Stroll e Bottas. Nas últimas voltas, Bottas se aproximou muito de Lance Stroll.

Ricciardo venceu a corrida, e Stroll não resistiu e a poucos metros da linha de chegada, perdeu a posição para Bottas. O canadense fechou o pódio em terceiro. Vettel fechou em quarto, com Hamilton em quinto.

A Fórmula 1 volta à ação em duas semanas com o GP da Áustria, em Spielberg.

Confira o resultado do GP do Azerbaijão:

1) Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull-TAG Heuer)
2) Valtteri Bottas (FIN/Mercedes)
3) Lance Stroll (CAN/Williams-Mercedes)
4) Sebastian Vettel (ALE/Ferrari)
5) Lewis Hamilton (ING/Mercedes)
6) Esteban Ocon (FRA/Force India-Mercedes)
7) Kevin Magnussen (DIN/Haas-Ferrari)
8) Carlos Sainz (ESP/Toro Rosso-Renault)
9) Fernando Alonso (ESP/McLaren-Honda)
10) Pascal Wehrlein (ALE/Sauber-Ferrari)
11) Marcus Ericsson (SUE/Sauber-Ferrari)
12) Stoffel Vandoorne (BEL/McLaren-Honda)
13) Romain Grosjean (FRA/Haas-Ferrari)
OUT) Kimi Räikkönen (FIN/Ferrari)
OUT) Sergio Pérez (MEX/Force India-Mercedes)
OUT) Felipe Massa (BRA/Williams-Mercedes)
OUT) Nico Hülkenberg (ALE/Renault)
OUT) Max Verstappen (HOL/Red Bull-TAG Heuer)
OUT) Daniil Kvyat (RUS/Toro Rosso-Renault)
OUT) Jolyon Palmer (ING/Renault)

Fonte: Lance!

Comentários

Nome

E-mail

Comentário