PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
10 maio 2015

Reservas do Timão estreiam com vitória sobre campeão Cruzeiro


FRAME-Cruzeiro-Corinthians-Romero-ReproducaoTV_LANIMA20150510_0143_1O Corinthians titular, que voou no início do ano, não havia vencido os últimos quatro jogos. Ficou treinando em São Paulo, de olho no duelo diante do Guaraní (PAR), pela Libertadores, enquanto os reservas foram a Cuiabá(MT) para a estreia no Brasileirão. Tite não havia levado Ángel Romero para Assunção, mas o atacante foi opção neste domingo. Entrou, desviou um chute de Edilson e garantiu a vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro, na Arena Pantanal.

O foco dos dois clubes estava longe. Nas decisões da próxima quarta-feira pela Libertadores. O time da “casa”, que cumpriu punição do STJD, escalou um mistão. Os visitantes entraram com apenas reservas. Em campo havia Willians, Marquinhos, Cristian, Danilo, Willian, Vagner Love… Jogadores que poderiam ser titulares em qualquer equipe do Brasil. Neste domingo, não. Neste domingo fizeram um jogo de mistão contra reserva. Sem qualidade, com raras chances criadas.

O cenário pouco atrativo não levou público à Arena Pantanal. Poucos acreditaram (e estavam certos) que veriam bom futebol. O primeiro lance foi aos trancos e barrancos para ser fiel ao esperado. Vagner Love recebeu no meio, girou, passou por quatro marcadores e bateu por cima. Essa jogada e um chute de Cristian, de longa distância, foram os únicos lances de destaque da etapa inicial.

O segundo tempo começou igual. Ou pior, se possível. Alterações de Marcelo Oliveira e Tite não fizeram tanta diferença. Emerson Sheik não conseguiu levar perigo. Willian Farias não ajudou na saída de jogo. Fábio e Cássio seguiam como espectadores, não de luxo, porque não havia nada de luxuoso no duelo.

Cruzeiro-Corinthians-Edson-RodriguesIMAGENS_LANIMA20150510_0152_53

Guerrero comemora gol da vitória (FOTO: Edson Rodrigues/IMAGENS)

Tite, então, optou pela entrada de Romero, que teve raras chances em 2015. Nem mesmo viajou para o confronto pela Libertadores, em que Sheik e Mendoza estavam suspensos. Neste domingo, era aquela chance para quebrar o gelo. O famoso “colocar pra jogar um pouco”. O destino quis que sua perna estivesse no meio do caminho de um chute de Edilson, após uma jogada de escanteio. Fábio saiu para cortar a bola, mas o desvio o traiu: 1 a 0.

O Corinthians reserva e o Cruzeiro mistão não mereciam vencer. Mas Romero, talvez, merecesse chance no Paraguai e provou neste domingo que poderia ter sido melhor do que Luciano. O foco alvinegro é virar o duelo contra o Guaraní, pelas oitavas de final da Libertadores, após derrota por 2 a 0. Já a Raposa foi derrotada pelo São Paulo, por 1 a 0, no Morumbi, e apostará suas fichas no Mineirão na próxima quarta.

O duelo pelo Brasileirão não foi nada mais do que um jogo para cumprir tabela. De qualquer maneira, a conta corintiana ganhou três pontos que podem fazer diferença na briga pelo título.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 0 X 1 CORINTHIANS

Local: Arena Pantanal, em Cuiabá (MT)
Data/hora: 10 de maio de 2015, ás 16h (de Brasília)
Juiz: Anderson Daronco (RS)
Auxiliares: Marcelo Bertanha Barison e Rafael da Silva (ambos do RS)
Público/Renda: Não disponíveis
Cartões amarelos: Gabriel Xavier, Charles e Willians (CRU); Edílson (COR)

GOL: Romero, aos 36’/2ºT (0-1).

CRUZEIRO: Fábio; Fabiano (Mayke, 7’/2ºT), Manoel, Bruno Rodrigo e Pará; Charles (Willian Farias), Willians, Gabriel Xavier (Judivan, 25’/2ºT), Marquinhos e Willian; Henrique Dourado. Técnico: Marcelo Oliveira

CORINTHIANS: Cássio; Edílson, Yago, Edu Dracena e Uendel; Bruno Henrique, Cristian, Petros e Danilo (Emerson Sheik, intervalo); Malcom (Mendoza, 47’/2ºT) e Vagner Love (Romero, 17’/2ºT). Técnico: Tite

 LANCENET!

Comentários

Nome

E-mail

Comentário