PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
29 jun 2016

Projeto ‘Espalha Brasa’ valoriza a cultura nordestina em São Paulo


São Paulo é a maior cidade nordestina do Brasil fora do Nordeste. Aqui vivem muitos forrozeiros que ainda lutam e defendem o forró autêntico, segundo levantamento  realizado pelo Projeto Espalha Brasa. Com o passar do tempo, pelo modismo e também pelas novas tendências musicais, o forró tradicional perde espaço na mídia e nas contratações para o forró eletrônico e demais estilos que estão em evidência.

Por conta deste cenário, surgiu o projeto ‘Espalha Brasa’, idealizado por Zé Geraldo, produtor cultural, pesquisador e radialista, para resgatar, preservar e divulgar o forró tradicional por meio de shows gratuitos, debate, programas de rádio e da ‘Forroteca Espalha Brasa’, novo projeto de estímulo à leitura em bibliotecas que mescla forró com  literatura.

Ao longo dos últimos anos o Espalha Brasa já realizou ações com os nomes mais importantes do forró tradicional, como Edson Duarte e Tiziu do Araripe em temporada no SESC, Anastácia, Trio Nordestino, os 3 do Nordeste, Trio Sabiá, dentre outros.Estações da CPTM recebem forró a partir do dia 29,06

Este ano o projeto leva 24 trios de forró tradicional para apresentações gratuitas nas estações da CPTM. Serão ao todo 24 horas de forró. O projeto é patrocinado pela Prefeitura de São Paulo através do Programa VAI (Valorização de Iniciativas Culturais), e conta também com outras duas ações: a gravação de 40 programas de rádio Espalha Brasa, hoje já veiculado na web rádio Mano Véio Mano Novo e nas rádios UFSCar e  Taperoá FM, e uma mesa de debate para o próximo semestre com produtores de forró e forrozeiros de São Paulo para aprofundar o diálogo sobre o cenário atual das produções visando fortalecer a presença do forró na cena cultural da cidade.

O Programa VAI é uma iniciativa da Prefeitura de São Paulo que tem o objetivo de apoiar financeiramente atividades artístico-culturais na cidade, fomentando e desenvolvendo o segmento cultural e, por consequência, oferecendo aos cidadãos novos horizontes.

A estação Brás da CPTM receberá a primeira apresentação no dia 29/06,  dia de São Pedro, um dos santos do “São João”, com forrozeiros especiais: Trio Amizade e Bernadete França, na estação Brás da CPTM.

Trio Amizade

O trio foi fundado por Nonato Araripe em 2012, surgiu no cenário forrozeiro na Zona Leste de São Paulo. Nonato, Geraldo Brito e Maurinho formam o trio que em 2015 misturou samba com forró no carnaval paulista quando desfilou no carro abre alas da Imperador do Ipiranga e repetiram o feito em 2016 na Acadêmicos do Tucuruvi.

Bernadete França

Bernadete França nasceu em Rio Tinto, no estado da Paraíba, caçula de nove filhos de uma familia simples. Aos seis anos de idade, cantou sua primeira música, o xote ‘O Cheiro da Carolina’ de Luiz Gonzaga. Com o acordeonista Walldo Lima apresenta o show Tributo a Marinês: a Rainha do Xaxado. Neste ano, recebeu convite do diretor musical Paulo Fedato e do produtor Renato Figueiredo gravou a música “Frevo Mulher” para a novela Escrava Mãe, da Rede Record de Televisão.

Espalha Brasa – Estação Brás da CPTM

Dia 29 de Junho de 2016

Endereço: Rua Domingos Paiva, 224 – Brás – São Paulo.

Shows: Trio Amizade a partir das 16h30.

Bernadete França a partir das 18h.

Evento Gratuito dentro da estação CPTM

  Fonte: Acontece Santyago 

Comentários

  • Fabiana da Silva

    O engraçado é esses lixos quererem valorizar a própria cultura, e pisotearem a do paulista, fazendo essa baderna na terra dele.

    • RAFAEL

      Discriminando os nordestinos??? que feio.