PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
28 abr 2016

Paraíba registra mais de 24 mil casos suspeitos de dengue em 16 semanas


A Paraíba registrou, de 1º de janeiro a 24 de abril, 24.487 casos prováveis de dengue. No mesmo período de 2015, foram registrados 6.628 casos, o que implica em um aumento de 269% no número de casos suspeitos de dengue até a 16ª semana epidemiológica. As informações são do boletim epidemiológico divulgado nesta quarta-feira (27) pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio da Gerência Executiva de Vigilância em Saúde.

Ainda conforme o boletim da SES, além dos casos de dengue, foram registrados outros 2.513 casos de suspeita de chikungunya. Atualmente, existem três unidades sentinelas do vírus da zika implantadas em Bayeux, Campina Grande e Monteiro, conforme recomendação do Ministério da Saúde. De 1º de janeiro a 25 de abril de 2016, registrou-se 1.770 casos notificados como suspeita de zika.

De acordo com Renata Nóbrega, gerente executiva de vigilância da Saúde da Paraíba, o aumento dos casos suspeitos de chikungunya faz parte de um novo procedimento no sistema de notificação. “A doença chegou a uma maior dimensão de circulação em 2016. Passamos a ter uma identificação maior também porque passou a ser regra em 2016”, comentou.

Quanto à síndrome guillain-barré e outras manifestações neurológicas, de julho de 2015, até o momento, os serviços hospitalares informaram 32 casos suspeitos, sendo quatro confirmados, 16 descartados e 12 em investigação, por suspeita de ter correlação com dengue, chikungunya e zika.

A SES informou que vem orientando os serviços hospitalares sobre a importância de comunicar casos com diagnóstico da síndrome guillain-barré para investigar a relação com dengue, chikungunya e zika, ou descartá-la por outra causa.

O boletim revela ainda, quanto aos óbitos suspeitos de dengue e chikungunya, que houve 20 notificações de suspeita de relação com a dengue, sendo um óbito confirmado (Monteiro), sete descartados e 12 seguem em investigação.

Embora, o Ministério da Saúde tenha confirmado na tarde de terça-feira (26) a segunda morte por dengue na Paraíba. Foram registrados também seis óbitos de casos suspeitos de chikungunya, sendo dois confirmados (Monteiro e Santa Cecília) e os demais estão sendo investigados.

Comentários

Nome

E-mail

Comentário