PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
17 fev 2017

Moradores fecham pista para impedir passagem de governador na Paraíba


Um grupo de moradores da cidade de Itaporanga, no Sertão paraibano, fechou a rodovia federal BR-361, no fim da manhã desta quinta-feira (16). O objetivo do protesto era exigir a conclusão da obra de uma adutora de engate rápido para a cidade. Os moradores aproveitaram o momento em que o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), iria passar pelo local a caminho da cidade de Conceição, mas o gestor acabou usando um avião e foi para Cajazeiras. Já uma comitiva que iria acompanhar Ricardo Coutinho foi impedida de passar na rodovia.

O Secretário Estadual de Infraestrutura, Recursos Hídricos e Meio Ambiente, João Azevedo, disse que a adutora já está pronta e que a montagem da estação de tratamento de água está sendo finalizada.

protesto_itaporanga.still002Ele destacou que houve um atraso, pois um curto circuito acabou danificado uma das bombas, mas tudo vai ser reparado até este fim de semana e a água vai começar a ser puxada.

Os manifestantes usaram pedras e galhos de plantas para fechar a BR-361. A estrada corta a cidade de Itaporanga. Para a população, a obra deve ajudar a combater a crise hídrica de Itaporanga, trazendo água do açude da cidade de Nova Olinda, na mesma região.Segundo eles, há mais de um ano, a população de Itaporanga é abastecida exclusivamente por carros-pipa e poços artesianos.

João Azevedo destacou ainda que depois do início do bombeamento, a água ainda vai levar precisar encher os tanques da estação de tratamento, para ficar limpa e começar a seguir até a cidade, que deve levar mais alguns dias.
Ele garantiu que ainda na primeira quinzena do mês de março toda a obra vai ser inaugurada e já vai está levando água para a população.

Uma comitiva que acompanhava o governador Ricardo Coutinho foi impedida de passar pelo local. O gestor tinha compromissos na cidade de Conceição. Por causa do protesto, a agenda de Ricardo Coutinho foi alterada e ele seguiu para a cidade de Cajazeiras em um avião. Durante o protesto, apenas ambulâncias e algumas motos conseguiram passar.

A Polícia Militar e um representante da Companhia de Água e Esgoto da Paraíba (Cagepa) estiveram no local para negociar a liberação da rodovia. Depois disso, as pedras foram retiradas, mas os manifestantes não saíram da estrada. O ato só foi encerrado após as 13h (horário local).

protesto_itaporanga.still001

Comentários