PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
17 out 2018

Misturar duplas ou manter plano? Felipão mudará a zaga no domingo


Sem Gustavo Gómez, suspenso, Luiz Felipe Scolari tem uma decisão a tomar para o jogo de domingo, contra o Ceará. Desde que reassumiu o Palmeiras, o técnico estabeleceu uma dupla de zagueiros para jogar o Brasileiro (Luan e Gustavo Gómez) e outra para os mata-matas (Antônio Carlos e Edu Dracena).  Agora, o treinador ou as mistura pela primeira vez, ou usará a dupla que atua na Libertadores na próxima rodada do Nacional.

A única partida que não teve uma das formações citadas foi a estreia do técnico, quando jogaram Luan e Thiago Martins no empate por 0 a 0 com o América-MG, pelo Brasileiro. O último foi posteriormente cedido ao Yokohama Marinos (JAP) e acabou substituído por Gustavo Gómez.

Só que a partir desse jogo houve um padrão: o técnico sempre escala a dupla toda, não as mistura. Mesmo contra o Grêmio, quando teve uma semana cheia para trabalhar, Scolari preferiu usar os dois titulares na maior parte do Brasileiro, com Antônio Carlos e Edu Dracena como opções no banco.

A decisão para o próximo jogo ainda tem outro fator: três dias depois de duelar com o Ceará, o Verdão vai até a Bombonera duelar com o Boca Juniors (ARG), pela partida de ida da semifinal da Libertadores. Normalmente, a dupla escalada em mata-matas não joga a partida anterior.

Com Felipão, são 20 jogos e apenas seis gols sofridos – três com Luan e Gómez em campo, três com Antônio e Edu Dracena. Antes da volta do treinador, a defesa do Palmeiras tinha média de 1 gol por jogo no Brasileiro. O número caiu para 0,62 gol/jogo e fez o time se tornar o menos vazado do torneio, com o Grêmio.

Caso faça a opção apenas por substituir o paraguaio, Edu Dracena parte como favorito, pois é quem joga no mesmo lado do camisa 15. No meio-campo, Thiago Santos também estará suspenso contra o Ceará, mas neste caso a troca é mais simples: Felipe Melo, que ficou fora contra o Grêmio justamente por acúmulo de cartões amarelos.

 

Fonte: Lance!

Comentários

Nome

E-mail

Comentário