PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
31 dez 2015

Mirando impeachment e unificação do PMDB, vice Temer fará giro pelo país


Na ofensiva, o vice-presidente Michel Temer começa em janeiro uma intensa agenda de viagens pelo Brasil. Além do propósito de unificar o PMDB, mais dividido do que nunca, Temer usará o giro nacioanl para atrair mídia espontânea e, por meio dela, tentar melhorar o seu baixo grau de conhecimento, informou a coluna Painel da Folha de São Paulo.

Nos cálculos internos do partido, o vice precisa vencer o relativo anonimato se quiser ser visto como alternativa de poder à presidente da República durante a tramitação do processo de impeachment.

Um dos principais aliados, o ex-ministro Eliseu Padilha (PMDB-RS), ficou encarregado de preparar o giro nacional do vice-presidente.

Temer e Dilma

O-vice-presidente-da-Republica-Michel-TemerFoto-de-Pedro-KirillosAo mesmo tempo, a presidente iniciou conversas com o objetivo de colocar ministros que trouxessem mais apoio a ela no Congresso Nacional. Convidado a participar, Temer, que é presidente nacional do PMDB, preferiu não indicar nomes. A composição da nova equipe, com a concessão de mais uma pasta ao partido, foi obtida após conversas com lideranças da legenda na Câmara dos Deputados.

Outra mudança da reforma, anunciada em outubro, foi o ingresso no Palácio do Planalto de nomes mais próximos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva: Jaques Wagner, Ricardo Berzoini e Edinho Silva. Além disso, a presidentepassou a se encontrar de modo mais recorrente com o antecessor.

O desgaste com Temer, porém, se agravou em dezembro, depois que a Câmara aceitou um pedido impeachment contra Dilma. Dias depois da abertura do processo na Casa, sem antes ter feito nenhuma declaração pública sobre o assunto, o vice-presidente enviou uma carta de caráter pessoal a Dilma, se queixando de ter sido um “vice decorativo” no primeiro mandato. No comunicado, Temer enumera situações em que se sentiu menosprezado pela presidentee que indicariam desconfiança dela em relação a ele e ao PMDB.

Comentários

Nome

E-mail

Comentário