PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
7 out 2016

Já lutei e não consegui, mas não foi tão frustrante quanto sequer ter tentado!


Já sorri quando só havia motivos pra chorar, mas já chorei quando só havia motivos pra sorrir. Já me decepcionei com as únicas pessoas que não esperava, então, aprendi a não esperar demais. As pessoas são falhas, assim como eu, e temos que perdoá-las por isso. Já me surpreendi quando as pessoas que eu menos esperava que estivessem ao meu lado estenderam a mão para que me erguesse. Já decepcionei quem menos merecia, mas também me decepcionei comigo mesma e foi pior do que me decepcionar com o mundo inteiro, pois eu era a única a quem culpar. Já lutei e não consegui, mas não foi tão frustrante quanto nem sequer ter tentado.

Já agi por impulso e me arrependi, mas quando parei pra pensar demais me frustrei, não por falhar, mas por não arriscar. Já me importei com quem nem sabia que eu existia, e acabei por deixar de lado quem sempre me quis bem. Já troquei o melhor pelo o que me fazia bem. É, já fiz escolhas erradas.

Já perdoei quem não merecia e já recebi perdão sem merecê-lo, mas pior ainda foi pedir perdão e não ser perdoada. Tudo tem limite! Já ofendi quem não merecia, e quando dei por mim era tarde, não pra me retratar, mas pra reparar o erro. Algumas coisas não têm volta.

Já fui ofendida por quem amei e por quem me amou demais, mas talvez, quem o fez teve boas razões, ou não! Já perdi pessoas queridas, assim como quis pessoas perdidas. Às vezes, é tarde demais. Já me surpreendi com algumas pessoas, já surpreendi outras e até comigo mesma.

Já andei errando, pensando que estava a um passo de acertar, quando na verdade estava a um passo de dar o pior deles. No auge dos meus acertos, enchi-me de orgulho, mas na mediocridade de meus erros, tentei me esvair de todos eles. De nada adiantou. Na vida, a opção “desfazer” não existe. (Texto de Werona Barbosa @apenasrascunhos)

7671b50d-38b8-4b74-a6c4-ccbe7ddf8835

Fonte: Da Redação – UIRAUNA.NET            

Comentários

Nome

E-mail

Comentário