PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
8 out 2017

Hamilton vence o GP do Japão e fica perto do tetra


Britânico vê seu rival pelo título abandonar no início da prova e abriu 59 pontos de vantagem. Massa finaliza em décimo.

Tudo o que poderia querer o Lewis Hamilton, aconteceu no GP do Japão. O britânico venceu de ponta a ponta e viu Sebastian Vettel, seu principal rival pelo título abandonar no início da prova, por conta de um problema na vela do motor. Com a vitória, Hamilton abriu uma vantagem de 59 pontos para Vettel.

Max Verstappen bem que tentou, mas não conseguiu bater Lewis Hamilton desta vez, tendo que se contentar com a segunda colocação. Daniel Ricciardo fechou o pódio, em terceiro. Felipe Massa fez uma corrida discreta, segurou o ímpeto de Alonso no final da prova e ficou em décimo, garantindo um ponto.

Confira como foi a prova.

Um pouco antes da largada, um susto na Ferrari de Sebastian Vettel, um problema na vela do motor, quase tirou o alemão da disputa do GP do Japão antes do seu início. A equipe trabalhou rápido e solucionou o problema no grid, antes da volta de apresentação.

Na largada, Hamilton se manteve na ponta, com Vettel na cola e Verstappen ganhando a posição de Ricciardo. O australiano, ainda perderia a posição para Ocon. Verstappen ainda na primeira volta, atacou Sebastian Vettel e assumiu a segunda colocação.

Na segunda volta, Vettel reclamou de um problema de potência no carro e com isso, caiu para a sexta colocação. Por conta de uma batida do Carlos Sainz na primeira volta, o Safety Car entrou na pista, para a retirada do carro do espanhol, que está se despedindo da Toro Rosso, pois na próxima corrida, já assumirá o cockpit da Renault, no lugar de Joylon Palmer.

Na volta quatro, a corrida reiniciou e Vettel perdeu mais uma colocação, agora para Sérgio Perez, caindo para sétimo. Hamilton seguiu na ponta, seguido de perto por Verstappen, logo depois, Ocon e Ricciardo.

Massa também passou por Vettel, subindo para a sétima colocação. O alemão da Ferrari foi para os boxes e abandonou a prova, praticamente dando adeus a disputa do título.

Na volta nove, Marcus Ericsson bateu na barreira de proteção de pneus, com isso o Safety Car Virtual foi acionado. Uma volta depois, a corrida foi reiniciada na velocidade normal.

Ricciardo atacou Ocon e assumiu a terceira colocação, Bottas também se aproximava do francês, pois não queria perder o Ricciardo do radar. O finlandês conseguiu realizar a ultrapassagem em cima da Force India, subindo para a quarta colocação.

Hamilton abria uma vantagem de três segundos em relação a Verstappen, na volta 13, que tinha mais três segundos de vantagem sobre Daniel Ricciardo, que vinha em terceiro.

Kimi Raikkonen, que estava tentando se recuperar, fazia a ultrapassagem em cima de Felipe Massa e assumia a sétima colocação, na volta 14. O finlandês era a única esperança da Ferrari em Suzuka.

Na volta 18, Massa foi para os boxes e colocou pneus macios, retornando em 14º.

Verstappen fez a parada na volta 22, colocando pneus macios. Uma volta depois, foi a vez do líder fazer a parada. Hamilton voltou tranquilo à frente de Verstappen. Ricciardo, que ainda não tinha parado, assumiu a ponta, seguido por Valtteri Bottas.

O australiano só foi parar na volta 26, retornando na quinta colocação. Bottas permaneceu na pista por mais algumas voltas. Enquanto isso, Verstappen se aproximava de forma ameaçadora de Lewis Hamilton.

A Mercedes tomando ciência disso, fez com que Bottas cedesse a posição para Hamilton, para servir de escudeiro e evitar o assédio de Verstappen.

O finlandês da Mercedes parou na volta 31, quando não estava mais conseguindo segurar o ímpeto de Verstappen. Bottas voltou na quarta colocação, atrás de Ricciardo.

A tática da Mercedes deu certo, pois neste meio termo, Hamilton voltou a abrir três segundos em relação a Verstappen.

Felipe Massa, em décimo, sofria pressão de Magnussen, Grosjean e Gasly, todos querendo garantir um pontinho no Japão. Palmer e Hulkenberg fizeram suas paradas e com isso Massa subiu para oitavo, ainda sim, pressionado pelos carros da Haas.

Voltas depois, Hulkenberg retornou para os boxes, com problemas na asa traseira. No mesmo momento, Magnussen se livrava de Felipe Massa, forçando a ultrapassagem em cima do brasileiro. Os dois chegaram a se tocar e Massa perdeu a posição também para Grosjean, caindo para a décima colocação. Hulkenberg abandonou voltas depois, com um problema na asa traseira.

Na volta 47, Stroll perdeu o controle do seu carro, após uma quebra na suspensão. O Virtual Safety Car foi acionado até a volta 49.

Na disputa com Massa pela décima colocação, Alonso não percebeu a aproximação de Hamilton e atrapalhou o inglês. Com isso Verstappen quase, conseguiu a ultrapassagem. Massa conseguiu se segurar na décima colocação.

E Hamilton garantiu a 61ª vitória da sua carreira, seguido por Verstappen e com Ricciardo completando o pódio. O britânico abriu uma vantagem de 59 pontos em relação a Vettel e ficou mais perto do tetracampeonato.

A Fórmula 1 volta à ação em duas semanas com o GP dos Estados Unidos, entre os dias 20 e 22 de outubro.

Confira o resultado do GP do Japão:

1) Lewis Hamilton (ING/Mercedes)
2) Max Verstappen (HOL/Red Bull-TAG Heuer)
3) Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull-TAG Heuer)
4) Valtteri Bottas (FIN/Mercedes)
5) Kimi Räikkönen (FIN/Ferrari)
6) Esteban Ocon (FRA/Force India-Mercedes)
7) Sergio Pérez (MEX/Force India-Mercedes)
8) Kevin Magnussen (DIN/Haas-Ferrari)
9) Romain Grosjean (FRA/Haas-Ferrari)
10) Felipe Massa (BRA/Williams-Mercedes)
11) Fernando Alonso (ESP/McLaren-Honda)
12) Jolyon Palmer (ING/Renault)
13) Pierre Gasly (FRA/Toro Rosso-Renault)
14) Stoffel Vandoorne (BEL/McLaren-Honda)
15) Pascal Wehrlein (ALE/Sauber-Ferrari)
OUT) Lance Stroll (CAN/Williams-Mercedes)
OUT) Nico Hülkenberg (ALE/Renault)
OUT) Marcus Ericsson (SUE/Sauber-Ferrari)
OUT) Sebastian Vettel (ALE/Ferrari)
OUT) Carlos Sainz (ESP/Toro Rosso-Renault)

 

Fonte: Lance!

Comentários

Nome

E-mail

Comentário