PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
26 jul 2015

Gabriel brilha, decide antes de se lesionar, e Santos bate o Joinville


O Santos não teve trabalho e venceu o Joinville por 2 a 0 na manhã deste domingo, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, na Vila Belmiro. Com casa cheia, o nome do jogo foi novamente Gabigol, que anotou os dois tentos da partida. Na quarta-feira, ele havia feito o mesmo e garantiu a classificação do Peixe na Copa do Brasil sobre o Sport.

Assim como há quatro dias, o camisa 10 balançou as redes da Vila logo no começo: aos três minutos de jogo. Da lateral esquerda, Zeca serviu o o novo goleador santista com um cruzamento fechado. Sozinho, Gabriel se posicionou atrás da zaga catarinense e tocou para o fundo do gol.

Desta vez, o atacante de 18 anos foi o protagonista não só pelos tentos, mas também pela responsabilidade. Ele não teve ao seu lado o atacante Ricardo Oliveira, suspenso pelo terceiro cartão amarelo e o meia Lucas Lima, que acordou com febre e inflamação na garganta e virou desfalque de última hora.

Santos-Joinville-Foto-Davi-RibeiroFotoarenaLancepress_LANIMA20150726_0020_52

Gabigol comemora com a torcida (Foto: Davi Ribeiro/Fotoarena/LANCE!PRESS)

Sem eles, o quadrangular ofensivo de Dorival Júnior foi completado com Marquinhos Gabriel e Nilson, que mostraram serviço, além do outro titular Geuvânio.

Aliás, foi da dupla Nilson e Marquinhos Gabriel que nasceu a jogada para o segundo gol do Santos. O centroavante, que arrancou aplausos da torcida por algumas firulas, roubou uma bola do Joinville no meio de campo, tocou par ao camisa 31, que deixou Gabigol na cara do gol para ampliar.

Mas ainda no primeiro tempo, Dorival resolveu poupar o artilheiro da partida, que sentiu dores na coxa direita e chegou a deitar no chão reclamando de dor. Mesmo recuperado pouco tempo depois, o treinador resolveu resguardar o camisa 10 para o duelo contra o Flamengo, no próximo domingo, no Maracanã.

Mesmo com a desvantagem no placar, o JEC não ofereceu perigo ao Peixe na Vila Belmiro.

A vitória deixa o Peixe fora da zona d
Local: Vila Belmiro, Santos (SP)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Auxiliares: Marcio Eustaquio Santiago e Marce rebaixamento, já que o Figueirense perdeu para o Atlético-MG no sábado.

FICHA TÉCNICA
SANTOS 2 X 0 JOINVILLE

Data: 26/7/2015 – 11hus Vinicius Gomes (MG)
Renda/público: R$ 335.725,00 / 12.974
Cartões amarelos: Zeca, David Braz (Santos); Fabricio, Anselmo (Joinville)
Gols: Gabigo, 3’/1ºT (1-0); Gabigol, 18’/1ºT (2-0)

SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, Werley, David Braz e Zeca; Paulo Ricardo, Renato e Marquinhos Gabriel; Geuvânio (Elano – 21’/2ºT), Gabigol (Marquinhos – 42’/1ºT) e Nilson (Serginho – 34’/2ºT). Técnico: Dorival Júnior.

JOINVILLE: Agenor, Arnaldo, Guti, Douglas Silva e Rogério; Naldo (Marcelo Costa – 36’/1ºT), Anselmo, Fabricio (Luiz Menezes – 20’/2ºT) e William Popp (Kempes – intervalo); Silvinho e Marion. Técnico: Adilson Baptista.

LANCENET! 

Comentários

Nome

E-mail

Comentário