PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
10 nov 2015

FPF planeja o Paraibano em 14 datas, mas depende de aprovação da CBF


dsc_0029_1A data para o Conselho Arbitral Campeonato Paraibano de 2016 segue sem definição. Isto porque o presidente da Federação Paraibana de Futebol, Amadeu Rodrigues, espera uma resposta da Confederação Brasileira de Futebol para marcar a reunião com os clubes participantes. O dirigente solicitou a entidade nacional uma data a mais para o estadual do próximo ano. Inicialmente foram cedidas pela CBF 13 datas.

– Estamos esperando um ofício da CBF para marcar a reunião porque a nossa proposta para o formato do campeonato de 2016 vai precisar de 14 datas. Nós já tentamos várias fórmulas, mas nenhuma encaixa porque temos Copa do Brasil e do Nordeste – explicou Amadeu, que defendia uma competição com 17 datas, mas que se tornou impossível com a decisão dos clubes de só começar em 30 de janeiro.

De acordo com o calendário divulgado pela CBF para o próximo ano, os estaduais devem terminar no dia 8 de maio, uma vez que as séries A e B do Campeonato Brasileiro começam no fim de semana seguinte. Entretanto, as séries C e D, na quais participam os clubes da Paraíba só vão começar em 22 e 29 de maio, respectivamente.

Apesar da indefinição, Amadeu Rodrigues quer realizar a reunião até a próxima semana para não ficar muito em cima da data limite para divulgação da tabela, uma vez que o Estatuto do Torcedor manda que o calendário de jogos seja publicado 60 dias antes do início da competição. Como o Paraibano está marcado para 30 de janeiro, a FPF tem até 30 de novembro para definir a tabela.

– Eu quero definir o mais rápido possível. Espero poder marcar para a sexta-feira ou segunda-feira o Arbitral, mas queria que não passasse da próxima semana para não ficar muito em cima da data limite – comentou o presidente.

Proposta

Amadeu Rodrigues adiantou a proposta de formato da competição que vai ser apresentada na reunião. A ideia da Federação e de alguns clubes, que ajudaram na proposta, é que o Paraibano seja dividido em dois grupos com cinco times. Os dois melhores se classificam para o mata-mata, e os seis últimos fazem um “torneio da morte” para definir os rebaixados.

  Fonte: Globo Esporte – PB

Comentários

Nome

E-mail

Comentário