PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
21 jun 2015

Felipe Massa é terceiro em dia de vitória de Nico Rosberg


Hamilton-Rosberg-GP-Isakovic-AFP_LANIMA20150621_0036_5Emoção nas duas pontas. Assim pode ser definido o Grande Prêmio da Áustria de Fórmula 1. Ainda na largada, o alemão da Mercedes Nico Rosberg tomou a posição de seu companheiro Lewis Hamilton e, de ponta a ponta, venceu a oitava etapa do ano. Felipe Massa, da Williams, se segurou até o último segundo e subiu ao pódio na terceira posição.

Enquanto Rosberg largou bem e deixou Hamilton para trás, Massa seguiu na quarta posição. Um safety car ainda na primeira volta esfriou um pouco o ritmo da corrida, mas permitiu que os pilotos fizessem apenas uma parada. Na de Rosberg e Massa, tudo certo. Na de Sebastian Vettel e Hamilton, porém…

O alemão da Ferrari teve um problema com sua roda traseira direita e perdeu o terceiro lugar para Massa. Já Hamilton, ultrapassou a linha de saída do pit lane e foi punido com cinco segundos, praticamente abandonando as chances vitória.

Na outra ponta da corrida, o fim, Massa mostrou um show de defesa de posição contra Vettel, que tinha um carro com melhor rendimento, e conseguiu seu primeiro pódio no ano. Felipe Nasr, da Sauber, foi o 11º colocado.

Agora, na disputa do mundial de pilotos, Hamilton segue na ponta, com 169 pontos, seguido por Rosberg, com 159, e Vettel, com 120. Felipe Massa é o sexto colocado, com 62. A próxima etapa da Fórmula 1 acontece em Silverstone (GBR), no dia 5 de julho.

A CORRIDA:

Logo na largada, o alemão Nico Rosberg pressionou seu companheiro de Mercedes, o britânico Lewis Hamilton, e tomou sua primeira posição. Nas duas curvas seguintes, o atual campeão mundial tentou dar o troco, mas seu colega defendeu bem a ponta.

Então, a corrida foi paralisada com um safety car graças ao acidente de Kimi Raikkonen (FIN) e Fernando Alonso (ESP). Na terceira curva do circuito, o piloto da Ferrari perdeu o controle de seu carro, rodou, e acertou a McLaren do bicampeão mundial.

Na relargada, as posições se mantiveram, já que Rosberg conseguiu manter um bom ritmo antes do reinício da prova e controlou bem o pelotão. Com nenhum piloto conseguindo desgarrar de ninguém, a corrida virou quase um “trenzinho”.

Após as paradas, Nico Rosberg conseguiu manter a ponta, enquanto Sebastian Vettel (ALE), da Ferrari, teve problemas e cedeu sua terceira posição a Felipe Massa, da Williams. Hamilton, por sua vez, ultrapassou a linha de saída do pit lane e foi punido com cinco segundos.

Com um rendimento melhor, a Ferrari de Vettel começou a pressionar a Williams de Massa. Faltando 20 voltas para o fim da prova, distância entre os dois era de apenas 2s4. A oito voltas do fim, o alemão conseguiu reduzir a distância entre os dois para um segundo. Com isso, pode usar a asa móvel para tentar ultrapassagem.

Porém, ainda que a pressão fosse dura, o brasileiro conseguiu manter sua posição e conquistar o primeiro pódio da temporada. Na primeira posição, Nico Rosberg, de ponta a ponta, enquanto Lewis Hamilton foi o segundo colocado.

Confira abaixo a classificação completa do GP da Áustria e da Fórmula 1:

1º – Nico Rosberg (ALE) – Mercedes – 1h3016s930
2º – Lewis Hamilton (GBR) – Mercedes – a 8.8s + punição de 5 segundos
3º – Felipe Massa (BRA) – Williams – a 17s5
4º – Sebastian Vettel (ALE) – Ferrari – a 18s1
5º – Valtteri Bottas (FIN) – Williams – a 53s6
6º – Nico Hulkenberg (ALE) – Force India – a 64s
7º – Pastor Maldonado (VEN) – Lotus – a 1 volta
8º – Max Verstappen (HOL) – Toro Rosso – a 1 volta
9º – Sergio Pérez (MEX) – Force India – a 1 volta
10º – Daniel Ricciardo (AUS) – Red Bull – a 1 volta
11º – Felipe Nasr (BRA) – Sauber – a 1 volta
12º – Daniil Kvyat (RUS) – Red Bull – a 1 volta
13º – Marcus Ericsson (SUE) – Sauber – a 2 voltas
14º – Roberto Merhí (ESP) – Manor/Marussia – a 3 voltas
Não completaram
Romain Grosjean (FRA) – Lotus – 35ª Volta (câmbio)
Carlos Sainz Jr. (ESP) – Toro Rosso – 35ª volta (abandono)
Jenson Button (GBR) – McLaren – 8ª volta (abandono)
Will Stevens (GBR) – Manor/Marussia – 1ª volta (abandono)
Kimi Raikkonen (FIN) – Ferrari – 1ª volta (acidente)
Fernando Alonso (ESP) – McLaren – 1ª volta (acidente)

Campeonato de Pilotos:
1º – Lewis Hamilton – 169 pontos
2º – Nico Rosberg – 159
3º – Sebastian Vettel – 120
4º – Kimi Raikkonen – 72
5º – Valtteri Bottas – 67
6º – Felipe Massa – 62
7º – Daniel Ricciardo – 36
8º – Daniil Kvyat – 19
9º – Nico Hulkenberg – 18
10º – Romain Grosjean – 17
11º – Felipe Nasr – 16
12º – Sergio Pérez – 13
13º – Pastor Maldonado – 12
14º – Max Verstappen – 10
15º – Carlos Sainz Jr. – 9
16º – Marcus Ericsson – 5
17º – Jenson Button – 4
18º – Fernando Alonso – 0
19º – Roberto Merhí – 0
20º – Will Stevens – 0

Campeonato de construtores:
1º – Mercedes – 328 pontos
2º – Ferrari – 192
3º – Williams – 129
4º – Red Bull – 55
5º – Force India – 31
6º – Lotus – 29
7º – Sauber – 21
8º – Toro Rosso – 19
9º – McLaren – 4
10º – Manor/Marussia – 0

 LANCENET! 

Comentários

Nome

E-mail

Comentário