PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
29 ago 2015

Dilma diz que foco do governo é segurar a inflação e fazer País voltar a crescer


20150828202017_capaA presidente Dilma Rousseff disse que o governo federal está trabalhando para segurar a inflação, aumentar o número de empregos e garantir que o País volte a crescer. O discurso foi proferido, nesta sexta-feira (28), durante entrega de unidades habitacionais do Minha Casa, Minha Vida, em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza.

“Nós vamos ter clareza em afirmar que, não só o Brasil vai crescer e superar as dificuldades que são momentâneas, como vamos conquistar muitas coisas. Não vamos deixar ter retrocesso nesse País. […] Somos um País tolerante, que respeita os outros e que quer ver seus filhos criados em um mundo de paz”, afirmou.

´Rousseff também garantiu que o governo não vai desistir de políticas públicas que melhoram a vida do brasileiro, tais como Prouni, Bolsa Família, Fies, Pronatec, MCMV e Mais Médicos. “Nós vamos assumir alguns compromissos. Não vamos abrir mão de políticas que têm ajudado o povo brasileiro a melhorar de vida”, enfatizou.

Presidente pede que beneficiados cuidem das residências

Em cerimônias simultâneas, a presidente entregou, nesta sexta-feira, 2.701 unidades do Minha Casa, Minha Vida em todo o País. No Ceará, Dilma entregou unidades em Caucaia, Fortaleza e Maracanaú. “Fico muito feliz de ver essas histórias, aqui não estamos lidando com concreto, mas com o local onde as pessoas vão morar”, destacou.

Ao discursar em Caucaia, a presidente afirmou que o papel do governo é dar oportunidades e realizar o sonho da casa própria é uma delas. Dilma pediu, então, em contrapartida, que os beneficiados com o programa cuidem de suas residências e não vendam os imóveis. A mandatária ressaltou ainda que todos os residenciais foram construídos em locais que têm fácil acesso a escolas e postos de saúde.

“Vocês têm que cuidar bem desses imóveis, cada casa terá uma cara diferente. Colocamos na casa uma parte daquilo que somos. Cuidem bem, criem uma forma de se organizar, ela será um patrimônio de vocês. Guardem esse patrimônio, não aceitem proposta de venda. Peço, de retorno para o governo, que vocês cuidem daquilo que agora é de vocês”, ressaltou.

A cerimônia de entrega das unidades ocorreu em Caucaia e contou com a presença de diversas autoridades como o governador Camilo Santana, o prefeito de Fortaleza Roberto Cláudio, o prefeito de Caucaia Washington Goes, os senadores José Pimentel e Eunício Oliveira, os deputados Chico Lopes e José Guimarães, dentre outros políticos, ministros e secretários.

Unidades entregues no Ceará

Das unidades entregues, o Residencial José Lino da Silveira, em Caucaia, é composto por 2.656 unidades, divididas em oito módulos, e recebeu investimentos do Governo Federal de R$ 184,6, com aporte do Governo do Estado de R$ 21.111.212,87. Nesta sexta, a inauguração foi do módulo 6, que possui 480 apartamentos, com investimento de R$ 33,1 milhões.

O terreno onde o empreendimento foi construído, na avenida São Vicente de Paula, no bairro Jurema, tem 170 mil m² e conta com infraestrutura completa em seu entorno. Em maio deste ano, o Governo do Estado já havia entregue a chave da casa própria para 464 famílias nos módulos II e IV.

Em Fortaleza, no Residencial Cidade Jardim, foram entregues 368 unidades do módulo 2, com investimento R$ 23,5 milhões. O conjunto habitacional possui um total de 1.168 residências, das quais 800 já foram entregues anteriormente.O residencial conta, no total, com 5.536 unidades e possui cinco módulos. Os investimentos do Governo Federal no empreendimento somam R$ 347.098.836,69. Para a construção das residências e para a infraestrutura de água e esgoto, o Governo do Estado aportou R$ 19.274.354,75.

Já o Residencial Demócrito Dummar, em Maracanaú, é composto por 824 unidades, tem três módulos e recebeu R$ 36.720.073,15, provenientes dos cofres da União. As 312 unidades a serem entregues fazem parte do módulo 1 e receberam investimentos de R$ 18,8 milhões.

Fonte: Diário do Nordeste

Comentários

Nome

E-mail

Comentário