PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
14 mar 2019

Corpos de vítimas do massacre em escola de Suzano são enterrados


Os corpos das vítimas do massacre na Escola Estadual Professor Raul Brasil, em Suzano, começaram a ser enterrados na tarde desta quinta-feira (14) no Cemitério Municipal São Sebastião, na região central da cidade. O primeiro a ser sepultado foi o corpo do aluno Samuel Melquíades de Oliveira Silva, de 16 anos.

O caixão com o corpo do jovem foi levado sob aplausos. Samuel era desbravador da Igreja Adventista do Sétimo Dia e gostava de desenhar, segundo os amigos. Os amigos desbravadores acompanharam o enterro uniformizados.

 “Foi para a glória de Deus que Samuel morreu. Eu queria nesse momento encontrar as palavras certas para confortar o coração de vocês. É contra as regras da natureza um pai enterrar um filho. Deus está ao lado dos pais nesse momento. Nós o veremos na glória, Samuel”, disse pastor que conduziu a cerimônia.

Em seguida foram enterrados os corpos dos alunos Kaio Lucas da Costa Limeira e Caio Oliveira. Eles também foram aplaudidos por amigos e familiares que acompanhavam o sepultamento.

Enterro do corpo de Samuel Melchiades de Oliveira Silva, em Suzano — Foto: Ueslei Marcelino/Reuters

Em seguida foram enterrados os corpos dos alunos Kaio Lucas da Costa Limeira e Caio Oliveira. Eles também foram aplaudidos por amigos e familiares que acompanhavam o sepultamento.

Corpo do aluno Caio Oliveira é enterrado em Suzano — Foto: Bárbara Muniz Vieira/G1

 

O quarto corpo enterrado foi o da inspetora Eliana Regina de Oliveir Xavier, de 38 anos, que trabalhava desde 2016 na escola.Familiares pediram para que o caixão fosse aberto para olhar o rosto dela pela última vez antes de o corpo ser enterrado – também sob aplausos.

Familiares de Eliana Regina de Oliveira Xavier velam o corpo da inspetora, enterrado nesta quinta (14). — Foto: Bárbara Muniz Vieira/G1 SP

O quinto e último corpo, de Cleiton Antônio Ribeiro, 17, chegou ao cemitério no início da noite desta quinta (14).

Corpo de Cleiton Antônio Ribeiro, 17, chegou no início da noite de quinta (14) no Cemitério São Sebastião, em Suzano. — Foto: Bárbara Muniz Vieira/G1 SP

 

O corpo de Cleiton Antônio Ribeiro, 17, chegou ao cemitério em Suzano no início da noite de quinta (14). — Foto: Bárbara Muniz Vieira/G1 SP

 

Família de Cleiton Antônio Ribeiro, 17, se emociona durante o enterro do menino nesta quinta (14), em Suzano. — Foto: Glauco Araújo/G1 SP

 

Cerca de 150 coroas de flores foram espalhadas pelo Cemitério São Sebastião, em Suzano, onde cinco vítimas do massacre foram enterradas nesta quinta (14). — Foto: Glauco Araújo/G1 SP

 

Fonte: G1

Comentários

Nome

E-mail

Comentário