PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
22 nov 2018

Campeão mundial de Parajiujitsu é homenageado na ALPB


A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), entrega nesta quinta-feira (22), a ‘Comenda Talento Esportivo – Desportista Genival Leal de Menezes’ ao campeão mundial de Parajiujitsu Rômulo Leonardo Alves Martins. A sessão acontece no Plenário José Mariz na sede do Poder Legislativo.

“Rômulo é um paraibano de coração e tem honrado o nosso Estado com suas vitórias pelo mundo. É motivo de muito orgulho ter um atleta do nível dele treinando no nosso Estado, levando o nome da Paraíba para o mundo. Por isso, estamos concedendo essa homenagem ao campeão mundial que mesmo diante das dificuldades nunca desistiu da luta”, destacou o deputado Jutay Menezes, autor da propositura.

Trajetória vencedora

Rômulo Leonardo Alves Martins, de 40 anos, nasceu no município de Timbaúba, em Pernambuco, e aos 15 anos se mudou para a Paraíba. O esportista nasceu com paralisia cerebral e através do esporte se tornou campeão mundial de Parajiujitsu em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes. Aos 21 anos prestou concursos públicos nos municípios de João Pessoa, Bayeux, Santa Rita e Conde, sendo aprovado em todos, escolhendo trabalhar na Capital.

Além de campeão mundial, Rômulo também acumula os títulos de campeão brasileiro em evento realizado no Espírito Santo; também é campeão sulamericano durante competição em São Paulo, além de campeão do GrandSlam no Rio de Janeiro 2017 e vice-campeão na competição realizada este ano.

A convite de amigos, Rômulo Leonardo começou a fazer aulas de Jiujitsu em João Pessoa. “No começo eu achava que não seria capaz, mas de tanto os meus amigos insistirem eu aceitei. Há 21 anos estou treinando, no início sempre lutando com pessoas sem deficiência, mas conheci o parajiujitso há um ano. A partir daí comecei a competir e hoje sou o primeiro lugar do mundo na minha categoria de atletas com paralisia cerebral”, destacou.

Guerreiros de Cristo Jesus

Além de competir, o atleta também mantém um projeto social que atende crianças com deficiência com atendimento na Funad e futuramente no Centro da Pessoa com Deficiência. Além disso, também é o responsável pelo Ministério de Jiujitsu da Igreja Cidade Viva, sendo responsável por ministrar aulas para os integrantes da igreja e também a pessoas residentes da comunidade Doce Mãe de Deus.

 

Fonte: Portal Correio 

Comentários

Nome

E-mail

Comentário