PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
17 dez 2017

Bronca levada por Luciano Huck por aparecer em moto sem capacete repercute


Luciano Huck foi ao interior do Maranhão gravar uma matéria para o Caldeirão do Huck e acabou levando uma bela bronca do Detran-RJ em seu Instagram. Ele está na garupa enquanto grava as imagens e  mostra uma caravana de motos atrás dele. Huck, assim como todas as pessoas que aparecem no vídeo, estão sem capacete.

O órgão se manifestou no post, publicado na sexta-feira (16). “Luciano Huck, a causa é nobre, mas andar por aí sem capacete coloca a sua vida em risco. O Código de Trânsito Brasileiro prevê infração gravíssima, com 7 pontos na carteira. Cuidado, Luciano”, dizia o comentário do perfil verificado @detranrjoficial, acrescentando a hastag “Não seja essa pessoa”.

Segundo o Código Brasileiro de Trânsito,  andar sem capacete é considerado uma infração gravíssima anotando sete pontos na carteira. E, é claro, que a conta do oficial do órgão público deu aquela chamada no global.

Após a mensagem emitida pelo órgão, vários seguidores de Luciano comentaram a bronca. Muitos concordaram com a instituição e afirmaram que o correto era Huck apagar a publicação e fazer uma nova, desta vez com o devido capacete. Outros sugeriram para o marido de Angélica não excluir e segue com o post no ar.

 

ANGÉLICA SE PRONUNCIA SOBRE HUCK COMO POLÍTICO

Como já é de conhecimento, Luciano Huck tinha a pretensão de disputar a presidência do Brasil no próximo ano, fato que acabou sendo descartado pelo apresentador em novembro.

Em Porto Alegre para gravar edições do programa Estrelas do Brasil, a apresentadora Angélica visitou o estúdio do GaúchaZH nesta sexta-feira (15). Ela tentou, mas não conseguiu fugir de perguntas sobre a possibilidade de o marido ser um político.

Ela confessou que aprovou a desistência de Huck. “Como esposa dele, sim (houve alívio). Mas como brasileira, não sei. A gente está numa situação em que faltam opções. Em casa, ele organiza bem as coisas. Isso já seria um bom começo”, avaliou.

“Comigo, as pessoas tinham certo receio de falar do assunto. O que eu achava ótimo. Elas tinham também um pouco de pena. As pessoas ficavam com dó de perguntar isso. É engraçado, quem gosta muito da gente não queria isso”, completou.

 

Fonte: TV Foco 

Comentários

Nome

E-mail

Comentário