PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
8 dez 2015

Brasileiro faz dois e vira carrasco da eliminação do United na Champions


566746b09dc2eO Manchester United, tri da Europa em 1968, 1999 e 2008, foi eliminado da Liga dos Campeões, ao perder por 3 a 2 para o Wolfsburg, na Alemanha, pagando pela passividade de seu treinador, Louis van Gaal, que em um ano e meio não conseguiu montar um time, que é um espelho do mau humor de seu treinador. Mas foi uma ótima partida, pelo esforço da turma e principalmente pela carga emocional.

O Manchester United se apresentou cauteloso, tentando explorar os avanços do Wolfsburg. Num deles, aos 10 minutos, Juan Mata lançou Martial, que tocou à esquerda, na saída de Benaglio: 1 a 0. Não deu tempo para comemorar. Aos 13, Rodriguez cobrou falta, Naldo concluiu, e De Gea pulou atrasado: 1 a 1. Dependendo da vitória, o time inglês passou a marcar a saída de bola dos alemães, invertendo as estratégias do começo. Pois numa escapada em velocidade, pé em pé, Kruse serviu Draxler, que rolou para Vieirinha virar, aos 29: 2 a 1.

O Wolfsburg continuou marcando em cima e forçando os contra-ataques. De Gea fez ótima defesa em chute de Draxler. Aos 44, Lingard bateu cruzado, Juan Mata, impedido, atrapalhou Benaglio, e a bola entrou. Mas a arbitragem assinalou a irregularidade.

A equipe da casa retornou para o segundo tempo tentando aproveitar o desespero do United, que precisava pelo menos empatar, mas errava passes, permitindo que o adversário tivesse a posse da bola, e a possibilidade de chegar ao gol. Depay, num voleio, aos 13, obrigou o goleiro a praticar defesa espetacular.

Após 15 minutos, no entanto, o time inglês diminuiu o ritmo, e o Wolfsburg começou a criar oportunidades em sequência. De Gea fez três excelentes intervenções, em conclusões de Schurrle. Na realidade, porém, o jogo permanecia indefinido, pois ninguém seria capaz de cravar um vencedor. A equipe alemã recuou, e as mudanças promovidas por Van Gaal – lançou Powell e Carrick – não surtiram efeito. Mas o United, já sem muita preocupação com tática ou técnica, prosseguiu brigando.

Aos 36, Fellaini cabeceou e Guilavogui fez contra: 2 a 2. Mas aos 38, Naldo subiu e testou à direita, em nova falha de De Gea: 3 a 2. Os Red Devils tentaram o abafa. Inútil. Wolfsburg e PSV Eindhoven continuam na Liga.

PSV SE CLASSIFICA:

Em casa, o PSV venceu o CSKA por 2 a 1, contou com o tropeço do United e avançou às oitavas de final. A equipe holandesa, com dez pontos, ficou na vice-liderança do Grupo B, dois a menos do que o Wolfsburg.

  Fonte: Lance!

Comentários

Nome

E-mail

Comentário