PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
12 ago 2017

Bolt sente lesão se despede sem medalha


A carreira de Usain Bolt chegou ao fim neste sábado. A final do revezamento 4x100m masculino do Mundial de atletismo, em Londres, foi a última dele. E a despedida foi marcada por uma lesão nos metros finais da prova.

Bolt foi o responsável por fechar a prova para a equipe jamaicana, depois de Tyquendo Tracey, Julian Forte e Michael Campbell. No momento em que recebeu o bastão, estava em terceiro. Poucos passos depois, porém, ele sentiu uma lesão na perna esquerda, não conseguiu mais continuar e caiu na pista.

O ouro da prova ficou com a Grã-Bretanha, com tempo de 37s47. Os Estados Unidos terminaram em segundo, com 37s52. E o bronze ficou com o Japão, com 38s04.

LONDON, ENGLAND - AUGUST 12:  Usain Bolt of Jamaica falls to the track in the Men's 4x100 Relay final during day nine of the 16th IAAF World Athletics Championships London 2017 at The London Stadium on August 12, 2017 in London, United Kingdom.  (Photo by Matthias Hangst/Getty Images)

O resultado acabou com a dominância da Jamaica, que buscava o quinto ouro consecutivo do revezamento 4x100m masculino em Mundiais. Antes disso, a última derrota tinha sido no Mundial de Osaka, em 2007, quando os jamaicanos ficaram com a prata e viram os Estados Unidos levarem a melhor.

Curiosamente, Bolt fez parte daquela prova em 2007. Foi a segunda participação dele em Mundiais — e a primeira que o rendeu medalhas. Em 2005, ele já tinha disputado a final dos 200m, mas acabou em oitavo lugar.

Na outra prova que disputou neste Mundial de Londres, Bolt ficou com o bronze nos 100m. Quem venceu foi o norte-americano Justin Gatlin. A prata ficou com Christian Coleman, também dos EUA.

Fonte: ESPN

Comentários

Nome

E-mail

Comentário