PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
22 mar 2015

Alecgol decide contra o Vasco em clássico com quatro expulsões


Flamengo-Vasco-Foto-LANCEPress_LANIMA20150322_0273_53Em um jogo com todos os ingredientes de uma grande final, o Flamengo venceu o Vasco, por 2 a 1, na noite deste domingo, no Maracanã. Com o resultado, o Rubro-Negro passou a ocupar a terceira colocação e, o time da Cruz de Malta, o quarto lugar na tabela do Campeonato Carioca.

O Vasco começou melhor a partida com boa movimentação no ataque. Enquanto o Flamengo tentou se encontrar em campo.

Apesar de dominar, o Vasco não converteu em vantagem essa superioridade parcial. Os 15 primeiros minutos foram marcados por faltas cometidas por ambos os lados, o que dificultou a criação das jogadas.

Até que a intensidade da chuva aumentou. E foi nesse momento que o goleiro vascaíno Martin Silva cometeu um erro primário ao tentar reiniciar a partida com a bola rolando em um gramado encharcado.

A bola parou entre o goleiro vascaíno e o zagueiro Rodrigo. Alecsandro mostrou oportunismo para chutar forte e inaugurar o marcador para o Flamengo, aos 17 minutos.

O Vasco não se abateu e no minuto seguinte quase empatou em um chute de Julio dos Santos. Mas o que era chuva virou temporal e o jogo foi interrompido aos 25 minutos.

Após uma paralisação por 50 minutos, a partida foi reiniciada. Bernardo entrou no lugar de Dagoberto e o Vasco melhorou ofensivamente e o tornou mais veloz. Aos 28 minutos, cobrança de escanteio e a bola sobrou para Gilberto cabecear e empatar o confronto.

No segundo tempo, o técnico rubro-negro coloca em campo Everton no lugar de Gabriel. A mudança, que alterou taticamente o time, fez o Flamengo retornar com uma nova postura. Tanto que desperdiçou uma oportunidade com Canteros logo aos 3 minutos e, quatro minutos depois, Alecsandro fez o segundo gol ao cobrar um pênalti cometido por Guiñazu em Marcelo Cirino.

Com a vantagem parcial, o Flamengo passou a explorar os contra-ataques, principalmente, nas jogadas de velocidade construídas por Everton. E o Vasco não teve êxito em buscar uma saída tática.

O tempo passou e os ânimos dos jogadores se acirraram. Aos 36 minutos, após Paulinho cometer uma falta em Bernardo, briga generalizada em campo e, além dos dois, o árbitro João Batista de Arruda expulsou também Guiñazu e Anderson Pico.

Ao término do confronto, independente do resultado, os 56 mil torcedores viram um jogo digno de final de campeonato.

_______________________

Flamengo: Paulo Victor; Pará, Bressan, Wallace e Anderson Pico; Jonas (Cáceres, 20′ do 1ºT), Canteros e Márcio Araújo; Gabriel (Everton, Intervalo), Marcelo Cirino e Alecsandro (Paulinho, 21′ do 2ºT)- Técnico: Vanderlei Luxembrugo.

Vasco: Martin Silva, Madson, Anderson Salles, Rodrigo e Christianno; Guinãzú e Serginho (Thalles, 20′ do 2ºT); Julio dos Santos, Jhon Cley (Yago, 31′ do 2ºT) e Dagoberto (Bernardo, 25′ do 1ºT); Gilberto – Técnico – Doriva.

Juiz: João Batista de Arruda.

Gol: Alecsandro, aos 17′ do 1ºT; Gilberto, aos 28′ do 1ºT; e Alecsandro, aos 7′ do 2ºT.

Cartão amarelo: Marcelo Cirino, Serginho, Canteros, Gilberto, Guiñazu, Alecsandro, Cáceres, Wallace, Everton, Christianno, Rodrigo,

Cartão vermelho: Paulinho (36′ do 2ºT), Guiñazu (36′ do 2ºT), Bernardo (36′ do 2ºT) e Anderson Pico (36′ do 2ºT).

Renda / Público: R$ 2.543.220,00 / 51.085 pagantes.

Local: Maracanã (RJ).

LANCENET! 

Comentários

Nome

E-mail

Comentário