PUBLICIDADES
PUBLICIDADE
  • Facebook do Uirauna.net
  • Twitter do Uirauna.net
  • Canal do youtube do Uirauna.net
  • Instagram do Uirauna.net
  • Whatsapp do Uirauna.net
  • Feed do Uirauna.net
2 jan 2016

A Paraíba em 2015: Esporte de Patos é campeão, mas pode cair no tribunal


O Esporte de Patos convive com um misto de alegria e apreensão na reta final de 2015. Em campo, o time repetiu a boa campanha de 2013 e conquistou o título da 2ª divisão. No entanto, o clube – que chegou a abdicar da vaga na elite no ano passado, por problemas financeiros – agora corre risco de ficar fora do Paraibano de 2016, devido a uma ação movida na Justiça Desportiva pelo seu principal rival, o Nacional.

O Tribunal de Justiça Desportiva da Paraíba (TJD-PB) julgou o pedido do Nacional de Patos e puniu com a perda de pontos sete clubes que disputaram a 2ª divisão deste ano, por escalarem jogadores irregulares. Entre eles está o Esporte de Patos, que pode, com isso, perder a vaga conquistada na elite estadual.

Mesmo assim, o presidente Marco César acredita que a situação vai ser revertida, já que entrou com recurso contra a decisão do TJD, em primeira instância.

Arena-Corinthians-Foto-Ari-FerreiraLANCEPress_LANIMA20150416_0101_12

– Estamos confiantes, porque foi uma Terceira Turma e eu vi erros no julgamento. A decisão deles foi errada. Não existe isso de excluir o clube. Vamos recorrer ao pleno e o pessoal de lá está sabendo do processo com mais detalhes – afirmou o dirigente.

Dentro das quatro linhas, o Esporte fez bela campanha na 2ª divisão. Para isso, contou mais uma vez com o técnico Marcos Nascimento. O treinador foi responsável pela conquista de 2013, levantando novamente a taça de campeão. Além do título deste ano, o clube terminou com o artilheiro da competição, Eduardo Rato, com sete gols.

eduardo_rato_atacanteNa primeira fase, o Patinho fez parte do Grupo do Sertão I ao lado do Nacional e do Sabugy de Santa Luzia. Favoritos, os dois times de Patos passaram com tranquilidade para a segunda fase. O detalhe é que ambos terminaram invictos, com oito pontos, mesmo número de vitórias (duas), empates (dois), mas o Alvirrubro ficou na primeira colocação no saldo de gols: 4 a 3.

Nas quartas de final, o Esporte enfrentou outro Nacional, o de Pombal. No jogo de ida, perdeu por 1 a 0, mas em casa avançou com uma vitória por 3 a 0. Veio a fase semifinal e o time de Marcos Nascimento não teve dificuldade para eliminar a Desportiva Picuiense. Venceu os dois jogos, por 3 a 0 e 3 a 1. Com acesso garantido, o time partiu para decidir o título contra o Paraíba de Cajazeiras. No jogo de ida, empate por 0 a 0, em Patos. E na volta, vitória por 2 a 1 e a conquista da competição.

Confiante na reversão da perda dos pontos pelo TJD-PB, a diretoria manteve a comissão técnica e alguns atletas campeões neste ano para tentar fazer frente aos chamados “grandes” na elite em 2016.

  Fonte: Globo Esporte – PB

Comentários

Nome

E-mail

Comentário